Fitônia: Como Cuidar Dessa Pequena De Folhas Coloridas

Fitônia como cuidar

A Fitônia é pequena e não alcança mais que 10 centímetros de altura, mas suas folhas coloridas e o design ousado se destacam entre a vasta gama de plantas de interior. O nome popular de Planta-mosaico deixa claro seu maior atrativo: as folhas finamente desenhadas. A seguir você vai encontrar todas as dicas sobre a Fitônia, como cuidar, regar, luminosidade, propagação e muito mais.

Sobre a Fitônia

Ela cresce espontaneamente nas florestas tropicais da Colômbia, Peru e do Brasil, mais especificamente nos estados do Amazonas e Acre.

O grupo Fittonia tem cerca de 10 espécies e pertence à família Acanthaceae, a mesma do Pingo-de-ouro (Peristrophe angustifolia).

Dentre os tipos de fitônia, a mais popular cultivada como planta de interior é a Fittonia albivenis, porém se você possui uma outra espécie em casa, o modo de como cultivar Fitônia, apresentado a seguir, serve também para as outras plantas do grupo.

As folhas da Fitônia mosaico são coloridas de tal forma que dependendo da espécie, você vai encontrar folhas rosas e verdes, verdes e brancas, verdes e vermelhas, verdes e rosas e outras mais.

A flor Fitônia surge mais alta que a copa das folhas, em hastes individuais de tom amarelado e formato de espiga. As flores aparecem quando sua planta está em boas condições de cultivo, tanto de umidade e temperatura quanto de luminosidade.

tipos de fitônia

Fitônia: Como Cuidar

Fitônia e a Luminosidade

A Fitônia vive no chão das florestas tropicais e acaba ganhando a proteção sombreada das plantas maiores. Nesse sentido é uma planta perfeita para cultivo como planta de sombra. Ela também é a queridinha dentre as espécies próprias para terrários.

E embora prefiram a sombra, saiba que a Fitônia gosta de sol também, desde que seja no início da manhã e com adaptação gradual.

Para saber se a planta está recebendo a quantidade certa de sol, observe as folhas. Se elas começarem a perder o contraste das cores, então diminua o tempo de exposição à luz direta do sol.

Quando dentro de casa, a Fitônia gosta de sombra, porém não escura. Lembre-se que a planta necessita da luz para fazer a fotossíntese e se manter viva. Locais muito escuros vão debilitando a planta aos poucos.

Temperatura e Umidade

Elas preferem temperaturas que giram em torno de 20°C a 24°C. Contudo suportam temperaturas de inverno de no mínimo 16°C.

Procure manter sua Fitônia sempre hidratada e em ambiente úmido. Algumas regiões do país têm temperaturas muito altas com baixa umidade do ar, o que não é favorável para o cultivo dessa planta.

Para contornar o calor e conseguir um ambiente mais úmido, utilize umidificadores no ambiente. Isso garante a umidade por mais tempo.

Borrifar as folhas causa um resfriamento momentâneo, e assim que a água evapora a planta volta a sentir os efeitos do calor e da baixa umidade.

Além disso, evite ambientes com ar condicionado, pois eles deixam o ambiente seco.

Um indicativo de que a planta está sofrendo com a baixa umidade do ar, é quando as folhas se enrolam. Isso significa que a planta está tentando não perder água e manter a umidade interna.

Regas e Substrato

A Fitônia é considerada uma planta de difícil cultivo principalmente devido a demanda por umidade. Assim, ao cultivar a Fitônia, deve-se manter o substrato continuamente úmido.

Manter a umidade do substrato sem encharcar e sem deixar secar é o objetivo a ser alcançado quando você cultiva a Fitônia. Deixe secar apenas a camada superficial do solo, e já ofereça nova rega.

Assim como o Lírio da Paz, as folhas da Fitônia murcham quando estão com sede. Esse é um bom indicativo de que o tempo pode estar muito quente para a planta e que você precisa aumentar a quantidade de rega.

Nesse sentido, um substrato de boa qualidade, rico em material orgânico, que seja leve e permita a boa drenagem das regas é essencial.

Como Cuidar de Fitônia em Vasos

Os vasos devem ter orifícios de drenagem para escape da água. Lembre-se de esvaziar os pratinhos que ficam embaixo do vaso minutos depois da rega. Isso evita que as raízes fiquem sobrecarregadas.

Além disso, se o vaso está dentro de um cachepô, a água restante também deve ser retirada.

Colocar casca de pinus ou palha na superfície do solo ajuda a manter a umidade do substrato dentro do vaso por mais tempo.

Vasos rasos e com boca maior, são excelentes para exibir toda a beleza das folhas da sua Planta-mosaico.

Embora sejam perfeitas como plantas de forração, já que suas folhas formam densos arbustos, o cultivo ao ar livre deve ser bem estudado. Escolha ambientes bem sombreados no seu jardim e que ofereçam proteção contra ventos e alagamentos.

Por outro lado, as dicas de como cultivar Fitônia em vaso, são as mencionadas aqui durante todo o artigo, levando em conta a luminosidade, temperatura e umidade.

Fitônia rosa e verde

Fitônia, Como Cuidar da Fertilização

Um substrato rico em matéria orgânica garante bons nutrientes à planta. Assim, tenha cuidado ao oferecer o fertilizante para sua planta, pois isso pode afetá-la negativamente.

Sempre indico colocar a metade da dosagem indicada pelo fabricante para evitar excessos, principalmente em plantas cultivadas em vasos. Com a Fitônia não é diferente.

Se você tem uma planta jovem, espere um pouco para adubar, pelo menos um ano. O substrato que veio do produtor já contém vários nutrientes importantes para o desenvolvimento. Após esse período, comece com a fertilização a cada dois meses, e depois aumente para uma vez a cada mês.

Assunto Relacionado: Você Sabe Para que Serve o Adubo? Entenda Como Eles Agem

Nunca é demais lembrar que os fertilizantes levam um tempo para fazer efeito, além disso, alguns nutrientes são absorvidos mais rapidamente que outros.

Fitônia, Como Fazer Mudas

A propagação por estacas é a maneira mais simples para fazer mudas de Fitônia.

Corte as hastes com 3 a 5 folhas do topo da planta.

Então, coloque a parte do corte inserida em um recipiente com areia ou vermiculita para o enraizamento mais rápido.

Em seguida, tampe o recipiente com um plástico para acelerar o processo e garantir a umidade interior. Mantenha as regas constantes e areje ocasionalmente as mudas.

Assim, em cerca de 30 dias você pode transferir as mudas para o vaso. Faça o transplante delicadamente para evitar ferir o sistema radicular da planta.

Se preferir, ela também enraíza muito bem na água. Troque a água todos os dias. Duas semanas é suficiente para criar raízes e então transplantar para o substrato.

Assunto relacionado: Como Enraizar Galhos De Plantas Na Água E No Substrato

Fazer podas das pontas da planta adulta ajuda a manter uma planta mais compacta, pois incentiva novas brotações.

Gostou desse artigo sobre a Fitônia, como cuidar, regar, luz e mais? Deixe suas estrelinhas abaixo e então, compartilhe com quem você sabe que também gosta de plantas. Logo depois, aproveite para ler nossos outros posts do Blog. Além disso, dê uma olhada na parte de decoração e receitas.

4.8/5 - (12 votes)

Deixe um comentário