Dipladênia: Como Cuidar, Regar, Fertilizar e Podar

Dipladênia como cuidar

Com flores brilhantes e abundantes e ainda um crescimento rápido a trepadeira Dipladênia vai deixar um rastro de cores no seu jardim. Trepadeira nativa do Brasil ela adorna varandas e jardins em todo o mundo tanto pela sua beleza como pela facilidade de cultivo. Saiba tudo o que precisa sobre a Dipladênia, como cuidar, regar, luz e fertilização.

Sobre a Dipladênia

A Mandevilla splendens (nome botânico) é um arbusto do tipo trepadeira pertencente à família Apocynaceae e originária da Mata Atlântica dos estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro.

Recebe o nome popular de Dipladênia devido a sua antiga classificação botânica: Dipladenia. Mas também é conhecida por outros nomes populares como Jasmim-brasileiro, Jalapa-do-Campo, Mandevila e Flor-tutti-frutti.

É uma planta perene que cresce rápido, podendo alcançar até três metros de comprimento. Seus ramos são semi lenhosos e se assemelham a cipós quando se enroscam em suportes para escalar.

Com folhas verdes coriáceas e nervura central saliente, a trepadeira Dipladênia é uma planta rústica que floresce quando ainda jovem. A folha e o caule apresentam uma seiva leitosa de cor branca quando partidas que é levemente tóxica.

As flores surgem na primavera e no verão em formato de funil com cinco sépalas de cores rosas com centro amarelo. Porém elas podem ser encontradas também em cores vermelhas, brancas e amarelas.

As flores atraem polinizadores como abelhas e beija-flores, e exalam um perfume agradável que justifica um de seus nomes populares de Flor-tutti-frutti.

Dipladênia, Como Cuidar

A Dipladênia é uma planta muito cultivada em varandas, peitoris e terraços de casas e apartamentos, além é claro de adornar jardins tanto em vasos como também pergolados, arcos e pórticos.

Como não apresenta muita densidade, tem um peso leve e se adequa mesmo estruturas mais finas, desde que firmes.

Em jardins, ofereça treliças ou outro suporte para que elas não se agarrem nas plantas vizinhas.

Veja a seguir como cuidar da planta Dipladênia para que ela floresça maravilhosa.

Luminosidade

Ela gosta de muita luminosidade com sol o ano inteiro e é nesse ambiente que floresce em abundância. Contudo, seu cultivo em meia-sombra também é muito favorável, mas a floração acontece com menos fartura.

Embora a Dipladênia aprecie luz e calor, algumas regiões do país com temperaturas mais elevadas combinadas com baixo índice de umidade podem deixar a planta fragilizada.

Substrato e Rega

Prepare um solo de boa qualidade, com material orgânico, fértil e que possua boa drenagem para o correto escape da água assim como a oxigenação das raízes. Se necessário acrescente um pouco de areia ou perlita ao substrato para garantir a drenagem.

Assunto Relacionado: Saiba mais Sobre a Perlita e Como Usar nas Plantas

A Dipladênia tem necessidade moderada de rega, pois consegue armazenar água em suas folhas e raízes por certo tempo. Assim como outras plantas tropicais, ela não gosta do excesso de água que provoca o encharcamento do solo e consequente sobrecarga nas raízes.

Certifique-se que a planta receba irrigação mais frequente no período de crescimento, para que ela prospere e tenha um desenvolvimento pleno.

Após as florações a rega deve ser um pouco menor.

Adubação e Podas

A fim de favorecer a floração, escolha um fertilizante com maior percentual de fósforo nos meses que antecedem a primavera e o verão.

As podas podem ser feitas durante todo o ano para controle e direcionamento da planta. Além disso, no fim do inverno a poda estimula o florescimento da planta.

Todavia não faça podas drásticas no período que antecede a floração pois os novos brotos podem ser retirados por engano.

Nesse sentido, as plantas jovens podem ser podadas com maior frequência para incentivar o crescimento mais denso.

O fluxo leitoso que surge após a poda é comum em todas as partes da planta, e você pode regar ou borrifar os pontos de corte para interrompê-lo.

Assunto Relacionado: Adubo Orgânico e Inorgânico: como escolher o melhor?

Propagação

A Dipladênia se propaga por sementes e por estacas. Um pedaço de cerca de 10 centímetros da haste da planta pode ser enraizado.

Gostou das dicas sobre a Dipladênia, como cuidar? Logo após terminar a leitura, conte abaixo se você cultiva em casa essa planta. Aproveite e compartilhe com seus amigos e então marque as estrelinhas abaixo.

4.9/5 - (15 votes)

Deixe um comentário