Arundina: A Orquídea Terrestre Mais Procurada Para Jardins

Arundina

A Arundina é uma orquídea diferente, ela é do tipo terrestre e pode atingir mais de dois metros de altura. Além disso, suas flores surgem sequencialmente, garantindo florescimento por um longo período do ano.

Embora não seja nativa do Brasil, ela se adaptou facilmente ao nosso clima e é muito comum seu uso em jardins e varandas.

Como uma típica planta tropical, a Orquídea Arundina gosta de clima quente e úmido, e por esse motivo não é indicada para ambientes mais frios como o Sul do país.

Conheça, afinal, um pouco mais sobre essa orquídea e seus hábitos de cultivo.

Sobre a Orquídea Arundina

A orquídea Arundina pertence à família das Orchidaceae e é nativa de encostas relvadas, matagais e florestas asiáticas de países como Índia, China, Butão, Malásia, Nepal, Tailândia, Taiti e Mianmar.

Seu nome científico oficialmente aceito é Arundina Graminifolia. Porém é comum encontrar outros sinônimos para essa mesma orquídea, como por exemplo: Arundina densiflora, A. maculata, A. pulchra, A. revoluta, A. bambusifolia, entre outros.

O termo Arundina é derivado do grego “Arundo”, por sua semelhança com as hastes do junco. Aliás, seu outro nome popular, também muito utilizado é Arundina-bambu.

Ela possui um caule rígido envolto por uma bainha de folhas que surgem alternadas ao longo de seu comprimento. São verdes laminadas, coriáceas e em formato de lança.

As flores se assemelham à maioria das outras orquídeas pois possuem um labelo, ou seja, uma pétala modificada em tom de roxo que além de atrair visualmente, facilita o acesso aos polinizadores.

As flores são brancas ou rosas e às vezes levemente tingidas de lilás.

A propósito, as flores não duram muito, apenas 3 dias, porém elas surgem uma após as outras. Dessa forma, a floração acaba ocorrendo ao longo de todo o ano, mas principalmente no verão.

São robustas e resistentes, atingindo mais de dois metros de altura. Embora as orquídeas cultivadas envasadas não alcançam todo esse tamanho.

Por outro lado, nos jardins elas são destaque, não somente pelo seu tamanho como também pela beleza das folhas e flores.

Como Cuidar da Orquídea Arundina

Ao contrário de muitas espécies de orquídeas que crescem em árvores, a Arundina é uma espécie terrestre. E por isso mesmo, aprecia um solo mais encorpado que suporte todo o seu tamanho.

Uma boa mistura para esse tipo de orquídea, além da terra vegetal e orgânica, inclui materiais drenantes como areia, fibra de coco e casca de árvores. Pois, o ideal é manter as raízes saudáveis com boa aeração.

O solo deve ser mantido parcialmente umedecido. Sendo assim, as regas devem acontecer sempre que a superfície estiver seca. Não é bom deixar o solo secar completamente, principalmente em cidades onde a temperatura é mais alta.

Embora, depois de estabelecidas as Arundinas tolerem um curto período de seca, isso prejudica sua floração e pode debilitar sua orquídea.

A temperatura ideal de cultivo gira em torno de 23° C a 29° C. Elas gostam de sol pleno ou no máximo um ambiente com um pouco de sombra.

Elas precisam de adubação constante. Escolha um fertilizante próprio para orquídeas e aplique dosagens fracas mensalmente.

Se preferir adubar com Bokashi, esse período pode ser maior, de até 3 meses, no caso do produto adicionado à mistura do solo.

Assunto Relacionado: Saiba O Que É Bokashi, Como Funciona E Quais Os Seus Benefícios

Propagação

A propagação da orquídea Arundina é feita através de sementes ou estacas dos brotos laterais que surgem na planta.  Essas brotações nas orquídeas são chamadas de Keikis.

Os Keikis são como saliências que surgem ao longo das hastes das orquídeas. É uma palavra de origem havaiana que significa bebê. E se refere a capacidade da orquídea de gerar um clone exatamente como a planta mãe, com as mesmas características, inclusive as cores e intensidade do perfume das flores.

Espere que o Keiki tenha ao menos alguns centímetros antes de cortá-lo. Uma boa medida é alcançar um tamanho de cerca de 7 cm ou então, observar o desenvolvimento de pelo menos 3 folhas novas.

Gostou das dicas sobre a orquídea Arundina? Então, você já tem uma planta dessa em casa? Aproveite e compartilhe com seus amigos que também gostam de plantas e não esqueça de deixar suas estrelinhas abaixo.

4.9/5 - (15 votes)

Deixe um comentário