5 Ervas Para Sombra Que São Mais Resistentes Que A Maioria

Ervas para sombra

Existem algumas ervas para sombra interessantes. Enquanto a maioria das ervas conhecidas se sente mais confortável ao sol, outras se adaptam bem em ambientes apenas claros. Contudo, é sempre bom lembrar que todas as plantas precisam de luz para crescer. Algumas menos do que outras. 

Aqui você encontrará sugestões de ervas que crescem bem e se desenvolvem à sombra, porém, elas precisam daquela sombra que tem bastante luminosidade indireta. Por exemplo, um quintal sombreado por grandes árvores, ou talvez muros, cercas ou outras partes da alvenaria da casa. Esse pode ser um bom local para o cultivo dessas ervas.

No entanto, não desanime se você mora em apartamentos. A luminosidade disponível próxima às janelas também pode ser um local promissor para suas ervas, especialmente se for banhado por algumas horinhas de sol. Lembre-se que grande parte das ervas tem um ciclo de vida curto e precisam ser replantadas mesmo quando estão ao sol.

Ervas para sombra

O cultivo de algumas ervas pode acontecer satisfatoriamente por períodos mais curtos e em menor luminosidade. Abaixo estão algumas ervas que podem tolerar bem a sombra. São igualmente simples se cultivadas em vasos e jardins. Ao passo que, são mais resistentes que a maioria.

1 – Alho-dos-ursos (Allium ursinum)

Alho-dos-ursos (Allium ursinum)

Também conhecido como Alho-selvagem. Essa erva é muito comum em florestas da Europa e Ásia, onde crescem naturalmente em locais bastante úmidos e ricos em nutrientes.

Para temperar com o Alho-dos-ursos evite pratos quentes pois se levado ao fogo, ele perde seu aroma característico. Desse modo, o uso no preparo de pratos frios, como saladas por exemplo, torna seu sabor mais acentuado.

2 – Agrião (Nasturtium officinalis)

Agrião (Nasturtium officinalis)

O Agrião não gosta do sol forte e temperaturas altas, sendo assim perfeito para cultivar como uma erva para sombra. Ele também tem seu sabor e nutrientes melhor preservados quando consumido cru. No entanto, ele pode ser acrescentado a sopas e molhos. 

A planta também é uma importante fonte de vitamina C. Para o cultivo, escolha um local com maior umidade e mantenha o substrato também úmido para que ele possa se desenvolver melhor.

3 – Wasabi (Wasabia japonica)

ervas para sombra da espécie wasabi

O Wasabi é conhecido também como raiz-forte japonesa. É uma planta muito utilizada na culinária japonesa, sobretudo para acompanhar peixe cru, devido às suas propriedades antibacterianas e anti-inflamatórias.

Essa erva prefere as temperaturas mais amenas e frias de altitude. De tal forma que, o clima quente aliado à exposição solar não só deixa suas folhas amarelas como também prejudicam o seu crescimento. 

No Japão, raízes, caules e folhas são usados ​​para fazer a pasta verde típica. O Wasabi é consumido, principalmente, como acompanhamento para o sushi.

Inicialmente, seu cultivo pode ser um pouco complicado por causa de sua demanda por locais frios e úmidos.

Assuntos Relacionados: 9 Plantas para Varanda com Sombra

4 – Coentro-vietnamita (Polygonum odoratum)

ervas para sombra da espécie Coentro vietnamita

O Coentro-vietnamita é uma erva fácil de cultivar na sombra. Ele cresce rapidamente em substratos úmidos e ricos em nutrientes. 

Embora seja mais confortável ao sol, ele produz muitas folhas mesmo cultivado à sombra.

O coentro é comumente utilizado em saladas e sopas como também em conservas.

Assunto Relacionado: 3 Plantas de Forração para Sombra: Seu Jardim Mais Bonito

5 – Cardamomo (Elettaria cardamomum)

Ervas para sombra da espécie Cardamomo (Elettaria cardamomum)

O Cardamomo é uma planta decorativa muito cultivada como planta de interior, especialmente na Europa. Suas folhas verdes encorpadas, com bordas onduladas e as flores brancas são um grande atrativo.

Embora seja um pouco exigente em relação à umidade, ela se desenvolve muito bem em ambientes internos, sendo uma das ervas que melhor tolera locais sombreados. 

Mantenha o substrato umedecido e se necessário, use um umidificador ou borrife várias vezes ao dia as folhas em períodos de baixa umidade do ar.

Suas folhas são um pouco ardidas e possuem um sabor exótico. Os frutos, quando maduros, são utilizados em diversos tipos culinários, tanto em pratos culinários como doces além chás.

Veja Também:

Gostou deste artigo sobre o cultivo de ervas na sombra? Compartilhe com alguém que também goste de plantas. E então deixe suas estrelinhas abaixo.

4.9/5 - (16 votes)

Deixe um comentário