Planta Avenca: Como Cuidar Dessa Delicada Samambaia

planta avenca como cuidar com folhas verdes em primeiro plano

As samambaias são uma das plantas mais populares de cultivo em ambientes internos, sendo que a avenca está entre as mais escolhidas. Comentamos abaixo sobre vários detalhes que vão ajudar você a entender melhor sobre a planta avenca: como cuidar, fazer as regas, como escolher o local dentro de casa, o melhor substrato para ter uma planta magnífica, além das formas de adubação.

A avenca é uma samambaia delicada e extremamente ornamental que pode ser cultivada tanto em ambientes internos quanto externos. Mas seu cultivo tem fama de difícil, já que é uma planta que exige alguns cuidados específicos de rega, iluminação e umidade. No entanto, não desanime, pois, essa é uma samambaia que tem vários cultivares, todas elas de crescimento rápido e além disso, é muito popular por afastar energias negativas.

Sobre a Avenca

As avencas pertencem a um grupo de plantas primitivas (Pteridófitas) que são caracterizadas por não produzirem flores, frutos e nem sementes. Por certo, você já viu aqueles pontinhos pretos no verso das folhas das samambaias, pois bem, eles são chamados esporos e são os responsáveis pela reprodução da avenca assim como de todas as plantas desse grupo.

Até mesmo suas folhas recebem um nome especial, elas são chamadas de frondes. E a parte menor, que seriam as “folhinhas” são as pinas. Sua parte subterrânea é composta de raízes e rizomas. Assim como a maioria das samambaias, elas são plantas epífitas, ou seja, crescem nos troncos das árvores.

Dentro do grupo das Pteridófitas, a avenca faz parte da família Pteridaceae, a mesma da Samambaia-prata, já comentada aqui no site anteriormente.

Tipos de Avenca Mais Comuns

Separamos quatro tipos de avenca que são mais comumente encontrados à venda em floras e mercados. No entanto, existem outros cultivares que muitas vezes levam o mesmo nome popular de Avenca, pois tem a mesma aparência, porém cada qual com seu nome científico específico. Dependendo da espécie, ela pode ser cultivada em vasos suspensos ou em vasos de piso.

  • Avenca (Adiantum raddianum): essa samambaia é a avenca mais popular em cultivo interno. Nativa do Brasil, ela já possui muitas variedades e tamanhos, inclusive uma com folhas variegadas, ou seja, de cores manchadas de tons claros. Ela chega até 40 cm de altura. Veja foto no topo do artigo.
  • Avenquinha (Adiantum capillus-veneris): nativa do Rio Grande Do Sul, essa espécie é uma versão menor e mais delicada da avenca. Alguns cultivares possuem folhas ainda menores, o que deixa o visual da planta ainda mais delicado.
  • Avenca-americana (Adiantum hispidulum): chamada também de “Cinco-dedos” pois elas têm um formato diferente de folhas, se compararmos com as demais avencas. As frondes são compostas e podem ter até 35 cm de comprimento, bi ou tri pinadas, com segmentos dentados. Nativa da Ásia.
  • Avencão (Adiantum subcordatum): essa samambaia é nativa da Mata Atlântica desde o Paraná até a Bahia. Tem um crescimento rápido, chegando a 80 cm de altura. É comum suas folhas caírem todas no inverno para então surgirem novas na primavera.
tipos de avenca adiantum

Planta Avenca, Como Cuidar

Agora que você decidiu ter uma avenca em casa, escolher o local certo, com boa luminosidade disponível, além de saber regular as regas formam o fator principal para que sua planta dure muitos anos. Conheça além destes, outros aspectos que vão ajudar no cultivo da sua avenca.

Luz e Temperatura

A avenca gosta de sombra clara ou melhor luz filtrada, que nos jardins significa ficar à sombra das plantas maiores. Já em ambientes internos, a sombra ou a semissombra é perfeita para a avenca. Embora a avenca aprecie locais quentes, a luz solar direta, principalmente das regiões do país com clima mais severo, deve ser evitada a todo custo, seja em janelas, varandas ou em jardins. As altas temperaturas podem deixar as folhas amarelas e causar a desidratação rápida da planta.

Então, como escolher um bom local para a avenca dentro de casa? O ideal é um local claro, mas não ensolarado. Procure locais com luz indireta brilhante, isso significa, por exemplo, uma sala ou quarto bastante iluminado, com incidência de muita luz indireta do exterior.

Se o local tem meia-sombra, como por exemplo uma janela ou varanda, cuide para que a avenca receba poucas horas de sol fraco, do início ou do fim de tarde. Em jardins, reúna plantas maiores que ofereçam a proteção adequada para que a avenca receba apenas luz solar filtrada.

Como uma típica planta tropical, a avenca gosta de calor e umidade. A temperatura adequada para cuidar da avenca gira em torno de 18° a 25°C. Evite climas frios com temperaturas abaixo de 12°C. Como é uma planta com folhas delicadas, o vento também não é bem-vindo assim como correntes de ar frequentes.

É muito comum nas residências o cultivo da avenca em banheiros, pois além de ter uma temperatura ambiente adequada, é um local que tem umidade elevada durante o uso. Vale destacar que nos referimos aos banheiros movimentados, frequentemente utilizados pela família. Os lavabos, por exemplo, por causa da ausência dos chuveiros, além de não ter umidade, podem ser muito frios para as avencas.

Rega e Substrato

Você pode usar substratos prontos próprios para samambaias. Aqueles específicos para orquídeas também são apropriados. Ou pode montar seu próprio substrato em casa. É importante que os elementos que compõem o substrato sejam leves e aerados. Acrescentar, por exemplo, areia à mistura permite uma melhor drenagem no vaso.

Se quiser montar um substrato do zero, utilize os seguintes elementos:

  • Uma parte de terra vegetal
  • Uma parte de húmus de minhoca ou de esterco curtido

Outra opção, embora um pouco mais cara, é a turfa. As avencas adoram a turfa, que é um tipo de material vegetal parcialmente decomposto e com baixa salinidade, além disso tem alta capacidade de retenção de água. Se for utilizar a turfa, não há necessidade de misturar nenhum outro elemento.

Depois de preparar um substrato adequado, a rega é um fator importantíssimo para que sua avenca tenha uma bela aparência e que viva por muitos anos.

O objetivo é manter o substrato sempre um pouco umedecido, mas nunca encharcado ou úmido em excesso.

Uma boa ideia é preparar um leito com água e argila expandida sobre o pratinho do vaso ou dentro do cachepô, se for utilizar. Isso mantém a umidade ao redor do vaso sem, contudo, deixar a água em contato com as raízes.

Usar um umidificador próximo vai deixar sua avenca muito feliz. Hoje você encontra modelos discretos que são pequenos e com preços ótimos.

Borrifar sua avenca em dias quentes também ajuda a aliviar o calor momentaneamente. Mas infelizmente, assim que a água evapora, termina o frescor. Procure borrifar com uma certa distância, fazendo apenas uma nuvem de água. Isso porque as avencas não gostam de muita água nas folhas.

Qual o Melhor Vaso para as Avencas

Com relação aos vasos, evite os de barro. O barro absorve rapidamente a água da rega e isso retira a umidade do substrato antes que as raízes consigam se hidratar. Assim, prefira os vasos de plástico, esmaltados ou impermeabilizados. Outra boa opção de vaso são aqueles feitos de fibra de coco.

Mude sempre o tamanho do vaso para um número maior a fim de estimular o crescimento da sua avenca. Mais espaço ajuda também a manter a umidade por mais tempo para as raízes.

Adubo

Plantas recém-plantadas não precisam de adubação nos primeiros meses pois se tratando de um substrato de qualidade, os nutrientes ainda estão frescos.

Daí em diante, se optar pela fertilização inorgânica, use um adubo comum para folhagens, pois contém todos os nutrientes necessários. Não há necessidade de adquirir o adubo específico para samambaias, uma vez que os percentuais dos elementos são praticamente os mesmos. Programe a fertilização uma ou duas vezes por mês.

Faça dosagens sempre de acordo com as instruções do rótulo da embalagem. Entretanto, tomando o cuidado de não exagerar na quantidade de adubo, pois o excesso de nutrientes disponíveis no vaso pode causar o estresse das raízes e a consequente perda da avenca.

Se preferir usar a fertilização orgânica, como o Bokashi por exemplo, não há necessidade de adubar todo mês pois, dependendo da marca adquirida, os efeitos desse tipo de adubação duram por vários meses. Sempre leia as instruções da embalagem para verificar a indicação.

Embora a ação do fertilizante orgânico seja mais lenta, os resultados são extraordinários. Se ainda não conhece o Bokashi, leia aqui neste outro artigo onde explicamos tudo sobre ele.

Veja Também:

Gostou de conhecer um pouco mais sobre a planta avenca, como cuidar e ter uma planta mais saudável em casa? Lembre-se de compartilhar com alguém que você saber que gostaria de cultivar uma avenca em casa. Logo depois deixe suas estrelinhas abaixo.

5/5 - (10 votes)

Deixe um comentário