Como Cultivar Alecrim Em Jardins E Varandas

Como cultivar alecrim

Se você é uma das pessoas que aprecia o perfume e sabor característico do Alecrim, saiba que é muito simples ter essa planta aí na sua varanda, jardim ou mesmo no peitoril da janela. Veja as dicas e cuidados logo abaixo e aprenda como cultivar o Alecrim.

Sobre o Alecrim

O Alecrim é uma erva típica do Mediterrâneo que cresce em locais quentes e não se incomodam com ventos. É cada vez mais fácil encontrá-lo nas regiões costeiras e encostas rochosas.

Ele pertence à família Lamiaceae, caracterizada por possuir diversas plantas aromáticas, dentre elas a hortelã, a menta, a sálvia e o orégano. Seu nome científico é Rosmarinus officinalis, sendo que o nome latim “rosmarinus” significa “orvalho do mar”.

Amplamente utilizado pelos gregos, romanos e egípcios entre outras coisas como erva medicinal e como incenso.

É um subarbusto com folhas em forma de agulhas muito perfumadas que crescem densamente, podendo atingir cerca de 2 metros de altura. As flores surgem nas axilas das folhas e podem ser brancas, rosas, azuis ou violetas dependendo da espécie.

Como Cultivar Alecrim

Para um resultado mais rápido, o melhor é cultivar o alecrim a partir de estacas ou mudas, pois as sementes além de demorarem para atingir o ponto de colheita, são mais suscetíveis às pragas e doenças.

Estacas com cerca de 10 centímetros de comprimento podem ser facilmente cultivadas. Assim, retire as folhas da parte inferior e afunde 5 centímetros no solo. Você pode também colocar a estaca para enraizar na água. Desse modo, assim que se formar um rabicho de raiz, é só fazer a transferência para o substrato.

Umedeça o substrato e coloque um saco sobre as mudas para ajudar no enraizamento. Assim que as raízes novas se formam, novas folhas aparecem na ponta do broto.

Mantenha o solo úmido por pelo menos 3 meses até que as raízes estejam bem desenvolvidas.

Solo e Luminosidade

Uma boa mistura de substrato permeável sem encharcamento é ideal para o cultivo de Alecrim. Coloque uma parte de areia e evite o excesso de húmus, uma vez que o Alecrim prefere substratos calcários e bem drenados.

Eles são extremamente resistentes ao calor, e embora suportem temperaturas negativas, nesse caso, providencie um local protegido no jardim, ou leve-os para dentro de casa se estiverem em vasos.

 Ofereça pelo menos 5 horas de luz solar direta para que seu Alecrim se desenvolva bem.

Regas

O Alecrim gosta de regas regulares, porém muito moderadas em pequenas quantidades. Embora ele tolere um período de seca, são muito sensíveis ao encharcamento do solo.

Os vasos e jardineiras devem ter orifícios de drenagem para escorrer o excesso de água.

A colheita pode ser feita o ano todo, além disso é recomendado a poda na primavera para controlar o tamanho da planta.

Veja Também:

Posts Recentes:

Gostou desse artigo sobre como cultivar Alecrim? Deixe suas estrelinhas abaixo e então, compartilhe com quem você sabe que também gosta de plantas. Logo depois, aproveite para ler nossos outros posts do Blog. Além disso, dê uma olhada na parte de decoração e receitas.

4.8/5 - (11 votes)

Deixe um comentário