Jardins Sombreados: 14 Plantas Que Ficam Encantadoras Juntas

jardins sombreados

Algumas combinações simples ficam muito elegantes e dá prazer de conviver. Em jardins sombreados, misturas de tons de verde e branco fornecem um efeito refrescante e agradável.

As sugestões a seguir são de espécies que podem ser cultivadas tanto em jardins com sombras como também semissombreados. Dividi em dois blocos, flores e folhagens para facilitar a consulta.

A maioria são plantas que se destacam pelas belas flores e formam o primeiro bloco de sugestões. As folhagens estão logo depois e embora tenham inflorescência, as flores não têm relevância ornamental. Certamente, a exceção a esse grupo são as samambaias, que não apresentam flores.

Os jardins com sombra se caracterizam principalmente pela ausência de gramas. Eles se formam sobretudo por espécies de plantas de cobertura, que não toleram o pisoteio. Além disso, possuem muitas espécies de trepadeiras, as quais já falamos em outros posts.

Assunto Relacionado: Trepadeiras Nativas Do Brasil: Conheça Essas Maravilhas

Veja a seguir 14 espécies de plantas para locais sombreados que são resistentes e que podem durar por muitos anos.

Flores para Jardins Sombreados

1 – Hortênsia (Hydrangea macrophylla)

Hydrangea macrophylla

É um arbusto com flores claras e delicadas, favorita de muitos jardineiros. No início do verão, suas flores surgem em enormes cachos redondos, de até 30 cm de diâmetro. Então, quando florescem são no tom de verde-limão e ao amadurecerem chegam aos tons de rosa, roxo ou azul brilhante. Dessa forma, o que define a cor de suas flores é a acidez do solo.

2 – Heliconia (Heliconia rostrata)

Heliconia planta para jardins sombreados

Essa talvez seja a Helicônia mais procurada para cultivo, pois sua inflorescência é lindíssima, longa, pendente e muito ornamental. Nativa da Amazônia peruana e brasileira, atinge cerca de 2 a 3 metros de altura.

Como típica planta tropical, a Heliconia rostrata gosta de calor e umidade e não é resistente a baixas temperaturas. Além de ser cultivada em ambientes semissombreados, gosta também de estar em pleno sol.

3 – Tracoá (Heliconia wagneriana)

Heliconia wagneriana

A Heliconia wagneriana recebe outros nomes populares além de Tracoá, como por exemplo, Caetê-do-sol e Caetê-manchado. Ela tem a nervura central da haste floral mais clara em relação a maioria das Helicônias.

Além disso, ela se difere também na altura da sua inflorescência, que ocorre bem abaixo das folhas. É excelente como flor de corte pois suas brácteas são largas e em cores vermelha, verde e amarela.

4 – Antúrio (Anthurium andraeanum)

Antúrio, flores para jardins sombreados

O Antúrio tem diversos cultivares com cores variadas e também tamanhos. Nas floras e mercados do Brasil, você encontrará muitas opções de Antúrios.

São plantas com rizomas, ramificadas e que gostam de umidade. O cultivo em jardins sombreados é perfeito pois ela se beneficia da alta luminosidade e ao mesmo tempo da sombra oferecida por espécies maiores.

Assunto Relacionado: Antúrio Cristal: Folhas Aveludadas Exuberantes

5 – Espiga-Coral (Aphelandra tetragona)

Aphelandra tetragona

Também conhecida como Camarão-coral, a Aphelandra tetragona tem uma inflorescência maravilhosa que se destaca muito, não somente pela beleza como também pelas cores vermelho-alaranjado.

Típica planta de regiões tropicais e subtropicais, a Espiga-coral deve ser podada anualmente no final do inverno para formação de novos ramos de flores.

6 – Begonia-Crespa (Begonia manicata)

Begonia crespa folhagem para jardins sombreados

Com muitas flores pequenas rosas, a inflorescência da Begonia manicata ocorre ereta com longas hastes, bem acima da folhagem. As folhas são grandes, carnosas e tem um lindo formato.

A Begonia-crespa é de climas mais amenos, não suportando bem nem o calor com altas temperaturas, nem as geadas. Ela é mais indicada para regiões subtropicais do sul do país.

7 – Bastão-do-Imperador (Etlingera elatior)

Etlingera elatior

Se você procura por uma espécie alta e robusta para o seu jardim sombreado, encontrou. O Bastão do Imperador é uma planta rizomatosa, entouceirada que pode atingir de 2 a 4 metros de altura.

As folhas são alongadas e grandes. Sua inflorescência é fenomenal, surge em longas e grossas hastes com escamas verdes e brácteas (folha modificada) vermelhas. Elas gostam de ambientes úmidos e são muito sensíveis ao frio.

8 – Astilbe (Astilbe bridal veil)

Astilbe bridal veil

Suas plumas luminosas e densas de formato piramidal com flores brancas se destacam sobretudo a noite. Cada pluma compreende centenas de flores pequenas e compactas que se abrem em sucessão. São muito vistosas e lembram muito as samambaias. Além disso, existem também variedades da espécie que tem as flores coloridas em tons de rosa e vermelho.

Folhagens para Jardins Sombreados

9 – Hosta (Hosta fortunei var. aureomarginata)

Hosta fortunei, folhagem para jardins sombreados

A Hosta fortunei tem um formato atraente de folhas densas, largas, em formato de coração e com bordas amarelo dourado irregulares. A folhagem sobretudo, é o principal atrativo das Hostas. Entretanto, ainda tem hastes com flores em forma de funil e em escamas que surgem no verão e se elevam bem acima da folhagem

Assunto Relacionado: Tipos de Hosta: Planta Oriental Com Folhagens Deslumbrantes

10 – Aglaonema Crispum e Aglaonema Costatum

Aglaonema Crispum e Aglaonema Costatum

O Aglaonema Crispum é conhecido popularmente como Falso-Café-de-Salão. É uma folhagem variegada muito ornamental e assim como o Aglaonema Costatum, também chamado de Sempre-verde-pintada, gosta de ambientes sombreados.

As duas variedades preferem o clima tropical e ficam bonitas tanto no cultivo em jardim como também em vasos e jardineiras. Além disso, são espécies que não toleram geadas.

11 – Yantia (Caladium lindenii)

Caladium lindenii

O Caladium lindenii também recebe outros nomes populares como Malanga e Tanior. Embora ela goste de ambiente quente, é uma planta que precisa ficar protegida do sol pleno.

Nos jardins, procure locais com luz difusa e com bastante umidade. A Yantia se desenvolve melhor em climas litorâneos e na região amazônica.

12 – Caetê-Redondo (Goeppertia orbifolia)

Goeppertia orbifolia

Assim como a espécie anterior, o Caetê-redondo tem uma folhagem exuberante. Nativa da Mata Atlântica do estado da Bahia, suas folhas são espessas, coriáceas e com faixas verdes e cinzas.

Elas atingem no máximo 30 centímetros de altura. E de acordo com seu habitat natural, gosta de regiões quentes e com alta umidade do ar.

13 – Maranta-Zebrada (Ctenanthe burle marxii)

Ctenanthe burle marxii

A Maranta-zebrada está à venda na maioria das floras em todos os cantos do país. Afinal, ela é uma espécie perfeita para ambientes internos sombreados. Além disso, é resistente e suas folhas desenhadas formam um belíssimo visual.

Em ambientes externos ela se desenvolve bem em bosques sombreados, com terra fértil e úmida. Com exceção do sul do país, pois é uma planta sensível a geadas.

14 – Renda-Portuguesa (Davallia fejeensis)

Davallia fejeensis

Elas devem ser cultivadas sempre em meia-sombra com substrato umedecido. Algumas variedades têm folhagens mais recortadas como a plumosa Bull.

A Renda-portuguesa, assim como todas as samambaias não possui inflorescência. O destaque está em suas folhas delicadas e recortadas. É comum as folhas amarelarem no inverno e então caírem.

Veja Também:

Gostou das ideias sobre os Jardins Sombreados? Então, quais destas plantas você tem em casa? Logo após marcar suas estrelinhas, aproveite e compartilhe com seus amigos.

4.9/5 - (15 votes)

Deixe um comentário