7 Plantas De Interior Para Locais De Pouca Luminosidade

Plantas de Interior Comigo Ninguém pode

Embora as espécies chamadas de “plantas de sombra” ou “plantas de interior” consigam sobreviver em ambientes internos, existe um limite mínimo de luz que precisa ser levado em consideração. Vamos ver abaixo quais plantas de interior são adequadas para ambientes com pouca luminosidade e quais os cuidados que você deve ter ao cultivar determinadas espécies.

Quando falamos sobre plantas de casa que gostam de pouca luz isso não significa escuridão! Afinal, todas as plantas precisam de luz para sobreviver. É a luz que fornece energia para a fotossíntese, além de controlar outros processos de crescimento da planta. Assim, na falta de luz, o resultado é a interrupção do desenvolvimento até a morte da planta.

Plantas de Interior para Locais de Pouca Luminosidade

Zamioculca

A Zamioculca é uma planta que precisa de pouca luz e que suporta aqueles locais mais longes da janela. Tem folhas verde brilhantes e ramos eretos. Precisa de pouca manutenção, é tolerante à seca e como uma planta muito resistente, é ideal para jardineiros iniciantes.

O único cuidado que se deve ter com a Zamioculca é o encharcamento. Suas raízes ficam rapidamente sobrecarregadas quando existe o exagero na rega.

Clorofito

O Clorofito está entre as plantas de interior mais leves e graciosas que você pode cultivar na sombra. Ela tem raízes carnudas que também toleram pequenos períodos de seca. São bicolores, com o veio central em tom creme e as bordas em verde.

Elas ficam perfeitas como planta pendente como também em vasos simples. Tem folhagem densa que agrega charme em qualquer ambiente interno.

Jiboia

jiboia

A Jiboia é um clássico popular que orna as casas nos mais diversos formatos como também em diferentes ambientes. Utilizada em quartos, banheiros, salas e cozinhas, ela é cultivada não só como trepadeira, como também como planta pendente.

É uma planta robusta e vigorosa que cresce rapidamente principalmente se tiver um apoio para se agarrar e escalar. Não precisa de cuidados especiais já que também é resistente a curtos períodos sem água.

Espada-de-São-Jorge

A Espada-de-São-Jorge é velha conhecida dos jardineiros quando o assunto é versatilidade. Ela suporta bravamente os ambientes mais inóspitos, tanto temperaturas altas em pleno sol como também ambientes internos com pouca luminosidade.

São plantas excelentes para dentro de casa pois seu sistema de respiração é diferente da maioria das plantas. Nesse sentido, para evitar que a água evapore durante o dia, seus estômatos (poros) se fecham e o oxigênio só é liberado à noite.

Assunto Relacionado: Como Plantar Espada-de-São-Jorge: É Assim que Funciona

Aspidistra

Plantas de interior Aspidistra elatior

A Aspidistra é uma planta com folhagem grande, larga e de verde intenso e que fica muito bem em ambientes internos. Embora seja uma planta muito resistente, não suporta o alagamento do solo.

Dentre as plantas listadas aqui, ela precisa de luz brilhante em maior intensidade do que as outras espécies. Assim, posicione-a em um ambiente que seja mais próximo às janelas.

Comigo-ninguém-pode

Plantas de interior Dieffenbachia

A planta Comigo-ninguém-pode tem folhas rajadas de verde com o interior amarelado e são muito atrativas visualmente. Embora seja uma planta muito comum em parques e praças, ela exige atenção quando colocada dentro de casa pois é uma planta tóxica.

Quando cultivada como planta de interior, ela não gosta de água nas folhas, e dependendo da época no ano e das condições de temperatura, suas folhas podem amarelar ou cair. Contudo, novas folhas surgirão.

Lírio da Paz

Plantas de interior Lírio da paz

O Lírio da Paz é, dentre as opções de plantas de interior, a que mais precisa de regas. Dessa forma, é uma planta que exige manutenção cuidadosa, pois ela é sensível à falta de umidade. Por outro lado, tem floração exuberante e mesmo cultivada dentro de casa, suas flores são magníficas.

Elas gostam de umidade constante, sendo comum seu cultivo em banheiros bem iluminados. E embora necessitem de solo constantemente umedecido, elas suportam ambientes com ar condicionado.

Assunto Relacionado: Tudo que Você Precisa Saber Sobre o Lírio da Paz Antes de Ter Um

Palmeira Areca

Plantas de Interior Palmeira Areca

A Palmeira Areca é uma planta de porte maior e pouco exigente com relação a iluminação. Com folhas abundantes e aspecto leve, ela sozinha decora com grande presença salas e quartos. Por ser uma planta com folhas arqueadas, separe um local espaçoso que não tenha trânsito de pessoas onde a planta possa se desdobrar sem ser esbarrada.

Ela é considerada uma planta purificadora do ar, já que tem a capacidade de remover a substância benzeno transportada pelo ar proveniente de produtos como plástico, borracha e detergentes.

Gostou desse artigo sobre plantas de interior para locais de pouca luminosidade? Deixe suas estrelinhas abaixo e então, compartilhe com quem você sabe que também gosta de plantas. Logo depois, aproveite para ler nossos outros posts do Blog. Além disso, dê uma olhada na parte de decoração e receitas.

4.9/5 - (16 votes)

Deixe um comentário